matéria 2 - 1

[DIVULGAÇÃO] Especial Turismo na Coreia

 Vilas Hanok

A mostrar Turismo6_Hanok.jpg

 O recente reavivamento do interesse nastradicionais casas coreanas modernizadas (chamadas Hanok) entre os arquitetos designers e os compradores de casas, em toda a Coreia, também ajudou a atrair inúmeros turistas às antigas vilas e distritos da Coreia, onde eles podem experimentar o estilo de vida tradicional coreano, em um ambiente autêntico. Dois dos destinos mais populares para os entusiastas são a Vila Hanok Bukchon em Seul e a Vila Hanok Jeonju em Jeonju.

 A Vila Hanok Bukchon em Seul se refere a uma área residencial, localizada ao norte de Jongno e do Riacho Cheonggyecheon, no centro de Seul, — daí o nome — antigamente ocupada por ricas famílias aristocráticas durante a Dinastia Joseon.

 A área se tornou uma das principais atrações de Seul, em grande parte devido à atmosfera do mundo antigo, as casas tradicionais bem preservadas e as estreitas ruelas sinuosas que as conectam. Ladeada pelos dois principais Palácios Reais de Joseon, Gyeongbokgung e Changdeokgung, com as montanhas Inwangsan e Bukhansan se erguendo diretamente atrás delas, e modernos arranha-céus no Sul, o bairro apresenta uma harmonia singular entre o presente e o passado de Seul.

 O maior bairro de Hanok na Coreia e um dos destinos turísticos mais populares entre os visitantes é Jeonju.

A Vila Hanok Jeonju consiste de cerca de 700 casas tradicionais com telhados de telha, algumas das quais foram transformadas em pousadas, restaurantes, casas de chá e oficinas, fornecendo aos visitantes a oportunidade de vivenciar o patrimônio cultural local.

O distrito também contém alguns dos mais importantes patrimônios da cidade, como o Santuário de Gyeonggijeon, que abriga o retrato oficial do Rei Taejo, fundador da Dinastia Joseon, O distrito também contém alguns dos mais importantes patrimônios da cidade, como o Santuário de Gyeonggijeon, que abriga o retrato oficial do Rei Taejo, fundador da Dinastia Joseon, uma escola confucionista local (Hyanggyo), e o Terraço Omokdae, que oferece uma excelente visão de todo o distrito.

 O lugar serve como um atrativo local turístico, oferecendo programas onde os visitantes podem aprender a cerimônia do chá ou a fazer hanji.

 Existem apenas algumas casas no estilo de mansões que datam da Dinastia Joseon na Coreia, das quais Seongyojang em Gangneung é particularmente famosa por seus requintados edifícios de 300 anos, totalmente preservados, e o bem cuidado jardim tradicional.

 Construída por um membro menos importante da realeza de Joseon e ainda usada como uma casa residencial por um dos seus descendentes, Seongyojang é considerada um bom exemplo de uma moradia da rica classe governante de Joseon.

 Também tem sua arquitetura separada em quartos, como um quarto interior (anchae) para as mulheres, um quarto exterior separado (sarangchae) para receber convidados, os quartos dos criados (haengnangchae) para os funcionários e quartos separados (byeoldang), assim como uma lagoa artificial na entrada e um pavilhão chamado Hwallaejeong.

Principais Festivais Locais da Coreia

A mostrar Turismo6_Festival-Lama.jpg

 Como em muitas outras partes do mundo, as comunidades locais na Coreia desenvolveram uma série de programas culturais e eventos para marcar suas conquistas ou para celebrar o patrimônio cultural e natural, a elas legado.

 Em Boryeong em Chungcheongnam-do, por exemplo, o festival de lama local atrai turistas de verão de toda a Coreia e do exterior, enquanto em Andong de Gyeongsangbuk-do o festival anual internacional de dança de máscaras entretém os turistas que visitam a cidade.

 Outras festas populares incluem o Festival de Horizonte de Gimje, que foca no patrimônio agrícola local preservado em Gimje, Jeollabuk-do, o Festival da Cultura Hanji Jeonju, e o Festival de Bibimbap de Jeonju, realizados para celebrar a herança que ajudou a cidade de Jeonju a ganhar uma reputação internacional.

 Em Jinju de Gyeongsangnam-do, o Festival de Yudeung de Namgang de Jinju começou a ter uma função semelhante. Realizado para celebrar as pessoas comuns de Jinju que lutaram heroicamente para proteger a sua cidade natal contra a invasão das forças japonesas durante a Imjin Waeran (Invasão Japonesa de 1592), na virada do século XVI. O festival oferece aos turistas fantásticas vistas noturnas das lanternas flutuantes ao longo do Rio Namgang.

Em Chuncheon, Gangwon-do, o Festival Internacional de Mímica de Chuncheon (CIMF) oferece uma empolgante gama de apresentações realizadas por companhias de ‘teatro de mímica’ de todo o mundo, que se reúnem para o evento.

A mostrar Turismo6_Estatisticas.jpg

A mostrar Turismo6_Festivais.jpg

Redação: Centro Cultural Coreano
Edição: Carolina A.
*Não retire nosso conteúdo sem os devidos créditos*

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>